Piauí Polícia

Governo vai enviar tropas para conter crise no sistema prisional do PI

Secretário de Justiça Daniel Oliveira (Foto: Portal AZ)

A crise no sistema prisional do Piauí, que começou eclodir há 15 dias, provocou duas reuniões, nesta segunda-feira (09), em Brasília, entre o ministro da Justiça, Torquato Jardim, o governador Wellington Dias, secretário de Justiça, Daniel Oliveira, e o Departamento Penitenciário Nacional, resultando no pedido de intervenção federal no sistema prisional do Piauí.

A crise nos presídios do Estado começou depois que agentes penitenciários denunciaram que o carro de um preso havia levado para a Casa de Custódia, passando pelo resgate de uma criança que estava na cela de um estuprador da Major César de Oliveira e prosseguiu com a maior fuga em massa no Estado, 75 presos fugiram, depois mais dez da Penitenciária de Esperantina.

O secretário Daniel Oliveira acredita que existe uma orquestração criminosa, envolvendo o crime organizado, para o caos instalado nos presídios do Piauí.

“Observe que já desbaratando dois bandos criminosos que atuavam nos presídios. Eles vendiam fugas, mortes, facilitavam a entrada de produtos ilícitos nos presídios. Depois que estouramos esses bandos os agentes entraram em greve e agora vieram esses novos fatos”, disse Daniel Oliveira.

Todos os episódios envolvendo os presídios do Piauí nos últimos dias já estão sendo investigados pela Polícia Civil, Ministério Público Estadual e através de processos administrativos pela própria Secretaria de Justiça.

O Piauí deverá receber reforço federal para controlar a situação dos presídios no Estado. A Força Tarefa de Intervenção Prisional deverá enviar homens para ajudar no controle da situação.

Fonte: Portal AZ

Comentários